Uncategorized

E Pra Você , O Que É Saudade?

Pasmem , descobri que Saudade é uma coisa que a gente se acostuma.

Em algumas fases ela dói mais ou menos varia de acordo com o seu grau de ocupação .

É claro que tudo também depende do tipo de saudade, aquela que a gente sente de alguém que se foi é a mais difícil de superar, quanto a saudade de uma amor antigo ela vai passando de mansinho e é despertada por uma música, um cheiro, um lugar….mas do mesmo jeito que ela chega ela vai embora, a vida real, ou um novo amor nos chama para realidade.

Quando a gente mora longe da família dos amigos a gente meio que aprende a conviver com ela, mas quando chegam os aniversários, Natal, Dia Das Mães e Dos Pais fica difícil disfarçar e muitas vezes um telefonema só piora a falta, mas o ser humano é adaptável e com o tempo tudo vai amenizando , sossegando, se acalmando, mas isso não significa que o Amor diminui,afinal é ele quem protege as memórias dos bons momentos é ele quem diz que tá na hora de ligar de novo e é por amor que a gente aprende a viver das distâncias, perdoa os esquecimentos e torce pelo reencontro.
Aliás , o que seria do reencontro sem a saudade?

Não é atoa que muitos casais (sobre)vivem casados porque os dois tem uma rotina diferente, um vive aqui e outro vive lá, a falta vira o alicerce e quando por algum motivo ela deixa de existir é como se o Amor perdesse a graça.

É quase polêmico o que eu vou falar, mas acreditem , A Saudade faz tudo parecer melhor do que é, quem mora fora do Brasil sabe do que eu estou falando, de longe a gente esquece dos problemas e só lembra das coisas boas , mas afinal  que graça teria a vida sem essas doces ilusões ?

Aiii que saudades dos meus !

Facebook Comments

14 Comments

  1. Muito bom o texto, ainda mais que eu tou morrendo de saudade da minha namorada que tá em um outra cidade e só volta dia 6 =/ Vou mostrar pra ela esse texto ^^

  2. Ah, a saudade, como é bom sentí-la, mas como é bom… MATÁ-LA!! AHUSUHASH

  3. assino embaixo…aaaaaaaaaaaa…saudade!!!

  4. Vc tem toda razão, Karine. É impressionante como, com o tempo (e com a idade hehehe), aprendemos a lidar melhor com a saudade, a nos acostumar mesmo com ela. Talvez faça parte do amadurecimento do ser humano…
    Lembro que, quando saí da casa dos meus pais pra estudar, aos 17 anos, sentia uma saudade insuportável de tudo, da família, dos amigos de infância, da namorada. Enfim, lembro que levei bastante tempo pra me adaptar. Hoje, após 11 anos, apesar de sentir saudades, consigo conviver com isso de uma forma muito melhor. É interessante, mas a impressão que tenho é que sinto menos falta das pessoas que outrora. Antes, achava que não conseguiria viver longe dos amigos mais próximos. Agora, vejo que novos amigos vão aparecendo. E isso vai servindo pra tudo…ou quase tudo. É, só pode ser amadurecimento, certo?!

  5. Não acho polêmico. Na verdade, nessas horas onde se está longe, fica o que realmente importa, afinal, quem não tem defeitos e quem não faz algo que as pessoas olham de fora com a mesma intensidade das coisas que não gostamos nos outros?
    Bom blog (Ah sim, por favor, mande as receitas irlandesas, não sabe como vou apreciar. – estou seguindo este blog, muito bom)

  6. Há uma história de uma entrevista de Keith Richards dizendo que não suporta o Mick Jagger é que o grande segredo da longevidade dos Stones era o fato de que eles conseguiam levar vidas e rotinas diferentes fora do palco. Isso ilustra bastante o que tu disseste, a saudade acaba virando um elixir contra a rotina.

  7. A saudade pode ser uma tradução da vontade que temos de fazer algo que gostamos muito novamente e definitivamente é um impulso a mais.

    Bjs

    Rodz

  8. Oi Karine, passo aqui de vez quando, adoro seu blog.

    Concordo com vc e depois de 14anos e meio morando fora sempre falo isso mesmo, que a saudade nao passa, mas melhora com os anos, a gente aprende alidar com ela e ateh gosta de sentir saudades, sempre da aquela vontade de quero mais:-)

    Abracos e feliz 2010!

  9. Ká, falar de Saudade não é fácil, uma vez qaue esse é o assunto preferido de 11 entre 10 escritores rsrss

    Acredito que todo mundo que já se propos escrever sobre algo algum dia já tocou na Saudade. E você falou do tema muito bem.

    Acredito que a Saudade realmente apresente esse caráter dinamico apresentado no seu texto. E sim, ela é superável, controlável, e até "desejável" algumas vezes, como já falei a muito tempo atrás em um texto lá no Ordem.

    Eu não conhecia o Ká.entre.Nós é um blog muito interessante, a começar pelo nome que é muito criativo. Me permite me tornar um seguidor? rsrs Espero que sim, pois nem vou esperar sua resposta hehehehe

    Abração!

    Igor André
    (ordemincaos.blogspot.com)

  10. Saudade realmente é um sentimento de prós e contras, mas…como tudo n vida.
    E saudade vc só sente aqui, porque só aqui existe essa palavra tão linda.
    Falando em saudades, agora que vc saiu do orkut vou sentir saudade daquelas bochechas lindas da sua filhinha e daquele sorriso lindo do seu filho, que me lembra muito o meu…
    bJS um 2010 de muitos momentos felizes.

  11. Falando c/conhecimento de causa, bem, acho q saudade e' um dos ingredientes q sustenta meu relacionamento de 3 anos a distancia, viu!

    Beijos MIL!

  12. Que graça o seu blog, não o conhecia e agora vou, inclusive, seguí-lo!

    Você disse, "Em algumas fases ela dói mais ou menos varia de acordo com o seu grau de ocupação", ainda menciona que a saudade de um amor novo nos chama para a realidade…

    Bom, é o que também eu penso; aliás vivo no momento uma situação bastante parecida com esta; um "novo-amor-ainda-não-concretizado" foi viajar, e eu fiquei aqui, desde então tenho procurado me ocupar… (embora de vez quando eu me descuide e me pegue distraída com as lembraças e saudades que sinto dele…)

    Mas a gente se acostuma, não é!? Rs.

    Um beijo.

    Visite o meu quando você também tiver um tempo, tenho escrito sobre o que denominei "rotas de fuga", cabe com o que disse sobre sentir saudades! Rs.

    http://praondefor.blogspot.com/

  13. Oi Ká seu texto está lindíssimo e fala exatamente o que sentimos e não sabemos expressar, sensibilidade à toda prova!!!!!parabéns…te amamos!!!!!!!!

  14. Oi Ká seu texto está lindíssimo…é tudo que sentimos e não sabemos expressar…uma sensibilidade à toda prova..parabéns!!!!!!!!te amamos!!!

Deixe uma resposta