O Irlandês e a Comida.

Eu confesso que tento parar de comparar o Brasil com a Irlanda, mas quando o assunto é comida minha força de vontade sai do controle e eu não consigo.(coisa de gente gordinha, sabe?)
Portanto aí vai (mais) algumas peculiaridades da cozinha irlandesa:

-Feijão, quando tem, é servido no café da manhã e apesar desse hábito ser mais inglês do que irlandês, muitos aqui também o fazem.

-Salada de maionese é salada de batata, nada de misturar cenoura, maça ou querer inovar, é batata e maionese e ponto final.

– Arroz tem, mas é raro irlandês usar mais do que 1 vez ao mês.

– Gelatina aqui não precisa de geladeira.

-Farofa é substituida pelo stuffing que é feito de migalhas de pão fresco.

-Eles não sabem, não querem e não se interessam por salada verde caprichada e variada como estamos acostumados a ter no Brasil, palmito por exemplo, só em loja brasileira.

-Quase nenhuma sobremesa ou bolo leva leite condensado e normalmente quando irlandês prova brigadeiro ou o nosso bolo eles acham muito doce.

-Churrascaria Rodízio não existe, também não existe rodízio de massas e muito menos pizza doce!

-Bolo tradicional de casamento é feito de frutas secas e pode ser preparado meses antes do evento.

-Apesar de no supermercado ter uma variedade infinita de temperos, irlandês que é bom, não gosta de usa-los.Frango assado tem gosto de frango assado, sabe aquele lance de gostinho do franguinho da mamãe? Aqui não existe, o da mamãe é igual ao da vovó, da titia e da vizinha, ou seja, gosto nenhum, mas sem dúvida, mais saudável.
Aliás, eles são contraditórios quando o assunto é alimentação, pois usam pouco sal, óleo, pouco tempero, mas comem bacon, sausage ,ovos (de todos os tipos) no café da manhã e se entopem de café e doces junto com o cup of tea.

-Carne de carneiro (lamb), que no Brasil é bem cara , aqui tem o preço equiparado com as demais e faz parte do cardápio semanal das famílias.

-Chocolate, biscoito, nutela e refrigerantes são muito baratos, enquanto que frutas, legumes e verduras são caros e apesar de grande parte ser importada do Brasil, banana por exemplo não tem o mesmo gosto.

-Quando se visita alguém, faz parte das regras de etiqueta levar flores, bolinho ou biscoitinho para a anfitriã e vinho  ou sobremesa no caso de jantar.

-Não ouse pedir “um cadinho de açúcar” para o vizinho.

-Festa de aniversário? nada de fazer marmita para levar para a mãe.

-Picanha em churrasco? sem querer desanimar, eles nem sabem o que é picanha, mas se você gosta de sausage e hamburguer, ficará satisfeito.

-Afim de um expresso depois da refeição? cuidado! aqui não existe cafezinhos pequenininhos como no Brasil, o café deles é vendido em baldes, 1 para dois é o suficiente (se você prefere a moda brasileira).

É claro que nesses detalhes estou usando de generalização e óbvio que existem irlandeses com hábitos diferentes dos que eu descrevi, mas no geral é isso mesmo, o resto, é batata história!

Facebook Comments

40 Comments

  1. É interessante como em cada país a cultura e os hábitos são diferentes, o que para nós, em nosso meio é normal, para eles é estranhos e passamos nós a sermos diferentes!!!
    Mas, aqui entre nós, a comida brasileira é a melhor do mundo e a mais variada!!!

    Abraço

  2. Eu ri do bolo de casamento. Eu queria um bolo com recheio de abacaxi, minha cunhada quebrou o pau comigo que tinha que ser bolo de frutas secas. ENTÃO TÁ! Ainda tenho metade do bolo dentro da geladeira, 3 anos depois, não tenho coragem de comer e meu marido juuuura que não estraga. Eu é que não vou arriscar! hahaha

    Beijos!

  3. Por aqui não é diferente nao, minha amiga.
    Muito do que descreveste, é igual.
    Ainda bem que encontro de tudo e posso fazer minha comidinha caseira bem brasileira.
    Sabe o que almoçamos ontem? Frango com quiabo. Ééééé….

    Bom fim de semana!

    Iram

  4. Muito legal Ká! A parte da alimentação e o costume de cada lugar é sempre muito legal de conhecer e perceber as diferenças.. eu estou ainda há pouco tempo na Itália, mas já percebi muitas coisas interessantes, diferentes e outras iguais aos costumes brasileiros, que logo escreverei sobre isso também. bjus

  5. Adooooro suas descrições daí! Faça mais, por favor 🙂

    E pro almoço de hoje, rola uma batatinha com gosto de…batata?

    ;*

  6. Oi karine…até que enfim, meus olhos se encheram, de alegria, ao ler este post seu…porque EU achava, que só eu tinha problemas com a comida irlandesa, de tanto que falo sobre isso no meu blog…eu detestei a alimentação ai, mesmo não tendo uma sogra tão caprichosa , quanto a sua. Mas, definitivamente, eu jamais indicaria para alguem que gosta de um "bom prato", ir MORAR, na Irlanda, como vc descreveu também neste tópico Enfim, eu descobri , que eu não era apenas um paranóico, da comida irlandesa…continuo, te acompanhando..beijo grande.

  7. Ola Karine, adorei saber mais sobre a culinaria da Irlanda.mas fiquei curiosa eles nao comem arroz?so de vez em quando??? como assim?Eu nao me imaginaria ficar sem comer arroz .bjs

  8. Acho que não conheço nenhum estrangeiro – do Brasil ou de qualquer outro país – que realmente goste da comida irlandesa. Ainda bem que a ilha e as pessoas são bacanas, pra compensar…

  9. A mais perfeita traducao dos habitos alimentares irlandeses.
    Adoro a sua forma leve e divertida de escrever.

    Maria

  10. Que engraçado! I lived in Ireland for a short time back in the 90's and I have to say the food was amongst the worst I've ever encountered. I know things have improved greatly there over the years but I remember surviving eating hobnobs, yogurt, tea and fish and chips with warm beer. Warm beer. E que FRIO…it can be so cold there.

  11. Na minha casa, e da minha sogra, tem sempre muito arroz (e ela até faz umas saladas bem caprichadas). Ian prefere arroz à batata sem a menor sombra de dúvida. O que ele não entende é como a gente pode comer os dois na mesma refeição.
    Beijos na barriga,
    N.

  12. oi ka, to de volta!

    menina, a coisa ai parece mais gostosa que na frança. aqui é queijo, queijo, queijo e queijo. acho a comida pessima e passaria bem morando ai na irlanda. agora, vou te contar, comida que nem no brasil nao tem em canto algum! beijos!!!

  13. Ka, definitivamente, a Irlanda é o pais para eu viver: frio, muito frio, sem salada, muita batata, refri barato… a Irlanda é o paraíso de um Pandus Legitimus!

  14. Gostei da parte que nao pode levar as coisas depois da festa!!hehe
    Aqui na Suiça tambem é visto como falta de educaçao!!

    Voce acredita que qndo fui para Irlanda ,so comi no Burger King e Mc!!hehe
    q feio!! Vou ter que voltar para provar da culinaria irlandesa.

  15. Ana, minha sogra tem uma vizinha que tem o bolo de casamento dela há 5 anos, mes que vem sera o batizado do filho e ele será servido! acredita? e detalhe, o bolo NÃO está congelado não! hahaha uh-oh

    Pri, concordo! Nada melhor e mais variada do que a comida brasileira!

    Iram, é o que eu acabo fazendo também, pq viver de comida irlandesa, não quero não!

    Carla, escreva sobre isso sim! adoro saber dessas particuliaridades, apesar de que acho que na Itália eu engordaria uns 20 kilos!

    Letícia, eu prefiro tudo a moda brasileira, batata nem acontece muito aqui em casa! hahahah

    Wagner, com certeza e muita segurança, vc não é o único! :/

    Gigi, eu acabei me adaptando, apesar de que o Breno continua comendo quase todo dia…

    Mr Lemos, quem teria esse mau gosto?

    Maria, Obrigada 😉

    Stephanie, muita, muita gente compartilha da mesma opinião que vc, eu não bebo, mas dá pra ver pelo copo que a parada é queeeeente! arghttttt

    Nivea, pois é, a sua família irlandesa esta inclusa nas raras exceções que eu descrevi no final, pq né, no geral, geral mesmo, eles não ligam (e não sabem) fazer um arroz temperadinho! hahahah

    Miiii, senti sua faltaaaa! Doida para ler sobre suas aventuras!

    Pandinha, todo dia, mesmo uma panda cansa! hahahaha

  16. Honey, vc veio em uma excursão, não foi? e acho que de boa, vc fez bom negocio! hahahaha

  17. Karine, finalmente um post sobre o que mais me aflige. Comida.
    Vou pra Dublin em Março, ficar um ano, e a minha maior curiosidade (e preocupação) é essa.
    Medo de só conseguir viver de McDonald´s e engordar um tonelada. Sério!
    Bom, pelo menos deu uma esclarecida.
    Vamos ver se aguento, rs
    Bjos.

  18. A única coisa, mas a ÚNICA MESMO que eu vou ter saudade quando estiver no Brasil é da sausage porque eu não gosto da nossa salsicha. Mas se por um acaso eu sentir saudade de todo o resto, isto vai se resolver fazendo um purê de batata! haha

  19. Ooooooooooootimos dicas sobre a culinaria Irlandesa! To chegando dia 4 e quero saber o maximo possivel pra nao fazer feio na casa do casal irlandes que vai nos hospedar. Queria umas dicas suas sobre roupas pra levar na mala. To morrendo de medo de passar frio ai… é facil achar botas pra chuva? Vc me aconselharia alguma marca e negocio onde encontrar em Dublin?

  20. Ai, Karine, como são interessantes estas diferenças, ainda ontem estavam aqui em casa uns amigos meus que estiveram na Irlanda há pouco tempo e estávamos conversando sobre estas peculiaridades! Beijos

  21. Adinam, ninguem consegue viver de mc donald's 1 ano, vc vai acabar se adaptando, eu reclamo mas no final das contas faço comida brasileira mesmo, só as vezes que o rosinha pede pra fazer alguma coisa mais irlandesa e tals, mas até ele já se acostumou com meu tempero e prefere a minha comida do que da mãe! hahahaha
    Aceito sugestões de posts!
    Me manda um email com suas dúvidas principais que vc ache que possa ser a dificuldade de outras pessoas também!

    Rafa, eu nem sei do que eu sentiria falta, mas de sausage com certeza não! hahahaha

    Anna, tem um site (www.asos.ie) que é bem bom de comprar, eu não sei o preço de botas onde vc mora então não sei se vale mais a pena comprar aí ou aqui, só pesquisando em lojas mesmo, tem a Clarks, Aldo, top shop…dá uma olhada nesses sites…

    Erika, seus amigos gostaram? eles já voltaram ao Brasil?

    beijos

  22. Incrível como vc descreveu EXATAMENTE a culinária irlandesa!!!
    Eu sempre coloco 10.000 coisas na maionese e o povo adora. Ah, salada linda e colorida… Adoro e sinto uma falta qnd estou aí!
    Eu tb acho muito contraditório a alimentação deles. O Roy adora reclamar que eu como muito açúcar, muito sal, mas não vive sem chocolate…
    Como é a alimentação dos seus babies?

  23. Olá Karine,

    Sou noiva de um americano, e quando ele veio aqui, dentre as diversas pizzarias que fomos, o levei numa com rodízio de pizza, e tinha pizza doce. Ele provou, não curtiu e achou super estranho rsrsrs…
    Enfim, acho que a idéia de pizza doce é coisa brasileira mesmo 🙂

  24. Karine, muito legal este post. So não entendi a historia do bolo. Ele é feito de farinha, ovo como os bolos normais? Como assim servir depois de 5 anos fora da geladeira?
    Aqui na França a comida muda bastante daquela que eu estava acostumada a comer no Brasil, sobretudo a falta de arroz todo dia. Acabei me adaptando, as vezes faço arroz, mas gosto de comer coisas diferentes. Na França, ao menos temos muitos temperos e molhos diferentes para acompanhar os pratos franceses que normalmente são acompanhados de batata (acho que é habito em toda Europa, mesmo).
    Do que eu mais sinto falta é da carne com gosto de carne, sou do RS, então me habituar a não comer churrasco todo domingo foi dificil. Agora ja esta melhor e, que surpresa, sou uma semi-vegetariana, devo comer carne 1x por semana.
    Vamos pensar pelo lado positivo? Não é muito mais facil resistir às tentações da mesa? Eu acho!!! Se estivesse no Brasil provavelmente estaria mais gordinha.
    Beijos

  25. Ka, padeco do mesmo mal: fico comparando o tempo inteiro, e ainda nao desisti de fazer namorido gostar de arroz.. um dia eu chego la 🙂

  26. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    .
    Eu nem sei o que falar das comidas rsrsrs, cheguei e fiquei pela maça rsrs essa adptação é dificil.
    AMO SEU BLOG Ka, se antes me divertia, agora faz parte dos meus domingos de frio .
    BEIJOSSSSSSSSSSSSSSSS

  27. Oi Karine, estou acompanhando seu blog faz alguns dias e estou adorando.
    E quando você quer preparar uma típica refeição brasileira? Os ingredientes você encontra fácil, como feijão preto por exemplo?

    Um grande abraço.

  28. Hahahah assino embaixo!! Tudo verdade

    Ainda bem que na casa de brasileira casada com irlandes tem muito arroz, feijao, farofa, salada de palmito e picanha hummmmmmmmmmm!!!

    Deu fome agora hehe

  29. Ju, modestia a parte, a comidinha estava boa, né não? hahahaha

    Mayra, seja bem vinda!
    Quiando eu quero preparar alguma coisa brasileira eu recorro a loja de produtos brasileiros aqui em Dublin, se for algo mais especifico como salgadinhos eu encomendo com brasileiros que vendem!

    Laura, acredite, na verdade não sei o que esse bolo leva, mas ele parece um panetone, na minha opinião é horrivel, tanto que no meu casamento me recusei a servir esse tradicional e optei por um que era de limão em um andar e chocolate em outro.Te entendo bem, acho que a carne tem gosto diferente aqui também e hoje em dia sou como vc, só como carne vermelha 1 vez por semana!
    Engordar, eu engordei aqui, 6 kilos desde que cheguei a 4 anos, mas acho que por causa do estilo de vida que mudou…fazer o que? hahahah

    Mi, o rosinha não é louco por arroz e feijão, mas come se eu fizer, continue insistindo…

    Aline, vi em um post do seu blog vc falando de preços, essa feira tem no centro, eu que por exemplo não moro no centro pago caro, por frutas e legumes, se comprado ao preço de besteira, com o tempo vc vai ver que tesco é fase e quem gosta de qualidade, lusho, riqueza e poder opta pelo marks & spencer, aí minha amiga, tu fica pobre! hahahah

    Elizabeth, acho que vc tem razão, meu marido não acredita em pizza de banana! hahaha

    Daiene, as crianças adoram feijão e arroz, mas adoram sausage e chocolate, ou seja, uma mistura!

    beijooooo

  30. O lance com o frango por aqui é do mesmo jeito…Eles não têm aquele cuidado e tempero como temos no Brasil.

    E outra, a salada daqui é aquela coisa que já vem pronta dentro do saco(e já vem com o tempero).É só jogar no prato e partir pro abraço.rs….

    Bjos

  31. descricao perfeita! odeio a comida dela (a da minha) pq tudo tem o mesmo gosto, nao importa se eh cenoura, frango, batata, ervilha… credo, gosto de nada.
    o meu bolo de casamento foi com recheio de ameixa, uma brasileira quem fez… todos os irlandeses ficaram chocados, mas sairam falando bem e ate me ligaram no outro dia pedindo mais!
    bjo Ka e feliz aniversario atrasado

  32. Ola Karine, tudo bem querida?Entao gravida pode tomar cha verde sim ,alias nao tem nenhuma contra indicacao.Qando eu estava gravida, sempre pela manha, sentia muito enjoo. E como na epoca eu trabalhava, quando comecavam os enjoos, eu ja corria tomar o bendito cha verde!!!!E os medicos daqui do Japao pegam muito no pe por causa do peso. E eles falavam: que eu so poderia tomar cha, nada de refrigerantes nem sucos . E olha o cha verde queima calorias hein!!!!Se voce tomar todos os dias voce vera os resultados. Eu recomendo.Alias aprendi a tomar cha verde com uma amiga chinesa, trabalhavamos juntas e eu costuma levar pra comer na hora dos intervalos sempre coisas SUPER caloricas e refrigerantes . Ela brigava comigo falava que eu tinha que emagrecer e tinha que adquirir habitos saudaveis, no inicio fiquei brava COM ELA mas aderi a alimentacao saudavel e substitui refrigerantes por cha verde. E paes , bolos e biscoitos por frutas.e o resultatado foi exellente!!!fiquei magerrima em pouco tempo.Agora que estou so em casa dei uma relaxada ,mas ja estou correndo atras do prejuizo.Ka um super beijo e obrigado pela sua visita e comentario no meu blog,adoro quando vc passa por la .

  33. Bom dia, pelo visto os Europeus de um modo geral são bem parecidos. Os Noruegueses são muitos parecidos e tudo que faço doce com a cara do Brasil, ele gosta mas diz e muito doce. Odeio café sem açucar mas eles tomam, na casa da mãe dele ela sempre põe açucar para mim. A comida e bem light (pouco sal e oleo tb) Mas quando acho por aqui eu faço aquela salada folhosa sim, eu amo, ele gosta também. ainda bem que ele sempre topa provar tudo =). Pior que como estamos morando em Luanda, também é muito dificil comprar aqui as coisas pq tb são importadas, gosto diferente, e as vezes ate ruim….

  34. Morro de curiosidade para ir a uma festinha de criança aqui em Sevilla… uma das coisas que nunca fiz!

    Com relação à fruta/verdura ser mais bararo que outras porcarias industrializadas, isso é igual em muitas partes da Europa. Por isso dizem que os imigrantes – principalmente os oriundos de algumas partes da África ou outros lugares onde a alimentação saudável é muito mais barata que a "lixo" – engordam MUITO qdo vêm morar aqui. Vi um documentário muito legal sobre o assunto, pois o governo Espanhol estava incentivando o pessoal a seguir com a sua alimentação, mas é brabo, porque o bolso não ajuda!

  35. 'quando o assunto é alimentação, pois usam pouco sal, óleo, pouco tempero, mas comem bacon, sausage ,ovos (de todos os tipos) no café da manhã e se entopem de café e doces junto com o cup of tea' – aqui na inglaterra eh a mesma coisa. loucura! dificil de entender, ne?

  36. kkkkk
    Karine, aqui no Japão o churrasco não é feito de carne. Picanha?? Nem pensar!! Aqui o churrasco dos japas é com macarrãozinho tipo yakisoba e muitos legumes. Estranho né? rs

    Aqui também costumamos sempre levar alguma coisa, um agradinho para quem visitamos. Acho que vou até levar este hábito para o Brasil sabe. Acho super fofo.

    Agora, fiquei abismada com o lance do arroz que eles quase não comem e com o feijão servido de manha!!!! Nheca!!!!

    Muito diferente dos nossos costumes não? Mas interessantes!!!
    Afinal, é por isso que amo viajar!
    Já pensou se fôssemos todos iguais em todas as nações? Seria muito sem graça e nem daria vontade de viajar milhares de quilômetros para conhecer outros povos.

    Bacana este post!!!!!
    Bjs

    ps.: desculpe minha ausencia amiga, aos pouquinhos estou tentando me atualizar dos blogs que adoro, assim como o seu!!!! Eis que hoje estou aqui, e estou amando tudo!!!! Bjsssssssssss

  37. Os hábitos são bem parecidos com os da Suiça, onde já estive por 5 vezes e bem diferentes da Itália, por exemplo, onde também já estive por 5 vezes e também de Paris.

    No geral, são características semelhantes aos países saxônicos, porém não podemos deixar de ressaltar que o consumo de açucar entre nós brasileiros, herança da colonização portuguesa, é mesmo demasiado.

    Fiquei rindo, imaginando o efeito "flatulento" de feijão logo pela manhã, dentro dos trens e metrôs. hahaha

  38. Olá, Karine!
    Cada país tem seus costumes, como é normal. A gente sente falta dos nossos, da nossa comida, e vamos nos acostumando aos do país que nos acolhe.
    Sou gaúcha, de Porto Alegre, e a comida aqui em Portugal é ótima! Diferente da nossa, não se come quase arroz (já acostumei!), a carne de peru é mais consumida e a de porco também, desde que houve a doença da vaca louca.
    Os portugueses comem muitos legumes e verduras, e seguem geralmente a dieta mediterrânica, o que é muito mais saudável, e consomem muito peixe e azeite (adoro!)
    Adorei seu blog e vou te seguir daqui pra frente.
    Um beijinho

  39. não me ajudou em nada =(

Deixe uma resposta