Ataque de pelanca materna

E eu para as regras sociais? andando, né?
E isso, desde pequena.
Segundo a minha mãe, quando eu tinha por volta de 1 ano e meio, enquanto ela me colocava no berço, eu fiz uma pergunta que mudaria para sempre toda a ilusão dela sobre o mundo materno :

– Mãe peida? -perguntou a minha pequena pessoa.

Não me lembro da resposta e nem sei se houve uma, na verdade também não lembraria da pergunta se ela não fizesse questão de contar essa história para todas as mães que compartilhassem com ela alguma coisa engraçadinha que os filhos delas tenham feito, sim, ela achou isso a coisa mais engraçada e fofa que eu fiz na vida, para você ver como sou uma pessoa esquisita.

Daí que meus filhos, acho que por osmose ou problema adquirido, seguem a mesma linha de raciocínio  e acham que eu como mãe não faço uso de necessidades básicas de um ser humano normal.
Não preciso comer, ir ao banheiro, tomar banho, escovar os dentes e nem dormir, aliás, dormir é de comum acordo entre a Chloe e a Mia, ultimamente.

Mas, senhoras e senhores, quem foi que disse que mãe é um ser humano normal, não é mesmo?

Pelo menos eu não sou, nem a minha mãe, que by the way, um dia descobri que peida.

Oremos para que quando eles descobrirem que eu preciso respirar, eles não fiquem tão traumatizados.

.

Facebook Comments

6 Comments

  1. ahahahah Essa foi ótima!!!! Adorei!!

  2. Hahahaha….só vc mesmo pra escrever isto…hahaha é que criança pensa que mãe é um ser Anormal. hahaha e é mesmo??????

  3. Hahahahahaha!
    Será que a mãe da Chloe solta umas bufas… ;)???
    Muito bom, vizinha!
    bjo e boa sorte com a galerinha…

  4. Hahaha ai Ka morro de rir, a Bella ainda nao chegou nessas perguntas igual a sua, mas ctz que ela segue a linha de raciocinio que nos nao respiramos, dormimos e nada disso que pessoas normais fazem.
    Beijos

  5. Flávia Maria

    Ká,
    Faz um tempinho que eu não comento!
    Mas, hoje não pude deixar de compartilhar a minha experiencia. ahahha
    Quando eu era pequena, minha mãe disse que eu fiz a mesma pergunta para ela. #tenso
    Acredito que eu seguia essa linha de raciocionio que a minha mãe não precisava de nada. hahaha
    Porém, fico feliz que não sou a unica pessoa que perguntou isso para a mãe. hehehe
    Beeeijos! ;*

Deixe uma resposta