Tem gente que chega pra ficar…

Tem gente que chega pra ficar…

Muita gente, tem curiosidade de saber como é a relação do rosinha com o Brenitos (Oi, @millermantega!)
Pra explicar, tem que ser do começo, de antes mesmo do Breno nascer.

Quando conheci meu primeiro marido, ele me disse que tinha dois filhos, uma menina mais velha e um menino 8 anos mais novo. Só depois de algum tempo ele me contou que a menina, era na verdade, só filha da primeira companheira dele, mas que ele a considerava e a tratava como se fosse legítima. Convivendo com ele não percebia mesmo, nenhuma diferença no tratamento com os dois, a preocupação, amor, brigas, responsabilidade, tudo igual.
Mas Deus tinha outros planos.
E ele morreu, deixando dois filhos biológicos.

Quando eu conheci o rosinha, não tive a menor dúvida de que se nossa história fosse pra frente, ele e o meu filho se dariam bem.
Mãe sabe, mãe sempre sabe.
E assim na primeira visita ao Brasil, depois de terem se conhecido por 1 dia, o Breno aos 6 anos, na casa dos meus pais, na frente de todo mundo, disse em alto e bom som : “Eu amo todo mundo que está nessa sala”, e eu sabia que ele queria dizer isso para o Eamon e assim começou a história de um cara que se tornou Pai naquele momento e de um filho, e eu vi tudo se repetir.

Hoje, depois de 2 anos de convivência diária, puxões de orelha, momentos de muita alegria, outros de convencer o Breno a comer legumes, eu vejo no olhar do rosinha o orgulho de ser o pai dele, as vezes até eu esqueço que eles não são biológicos, de tão parecidos. O Eamon, sem dúvida nenhuma, é um presente na vida dele, e ele um presente para o Eamon, já eu e a Chloe, somos meras coadjuvantes nessa história de amor, que eu tenho o maior orgulho de contar pra você.

.

Facebook Comments

37 Comments

  1. Ka, Deus prepara as coisas, tenho certeza!

  2. Preciso comentar 🙂

    Qdo conheci o Leo, que foi pela internet, ele sabia das minhas 2 filhas, e adoro a ideia, o que a gente nao contava eh q Deus tinha preparado uma surpresa gente… a maria carolina…fiquei graida num descuido, mas com isso ele passo a trata as minhas filhas como dele tbm, briga, da bronca e tudo mais…

    Acredito que o Papai do cei traça os caminhos bem certinho né…
    Beijosssss.

    danitiepo.com.br

  3. Karine isso é uma coisa que sempre digo, filhos nascem não de um espermatozóide, pois o DNA de nada importa a ligação de alma e coração, o que faz ser pai e mãe e merecer esses nomes é maior que qualquer outra coisa.

  4. e na boa? eles são tãaaaao parecidos que eu nem diria que o rosinha não é o pai biologico do breno… hihihi

    é td como a gente vê e eu não vejo cor nem passaporte, vejo amor. e isso da pra notar que tem entre eles.

    parabéns a vc por conseguir unir essa familia, vc ta longe de ser a coadjuvante, acredite!;)

  5. sabe Ká eu sei bem como é isso naum tenho filho nenhum + tenho 2 irmas por parte de pai, 2 por parte de mae, 1 adotivo e 2 por parte de padrasto 😉 e amo tds como meus irmaos de fato e de direito 🙂
    bom final de semana !!!

  6. Oi Ká!
    que história linda,emocionante mesmo viu?
    É tão lindo ver uma familia linda e unida por laços afetivos que chegam a ser mais fortes que laços de sangue.
    Deus conserve assim a sua linda familia (que vai aumentar) Haja AMOOOOR!!

    SUPER BEIJO!

    Carla

    http://www.blogmeureino.blogspot.com

  7. Que bom Karine. Pra eles e pra vc! e que legal saber mais da sua vida familiar tb ai.
    Que o 3o una mais ainda essa familia bonita!
    bjos

  8. Que lindo! Que coisa boa que eles se dão super bem, né? Já diz o ditado que pai é quem cria, né? Tai a prova!

  9. Karine, fiquei emocionada com a história que vocÊ contou. Quando escuto histórias assim penso realmente que fazemos parte de um plano invisível e maravilhoso que rege nossas vidas sempre para o melhor.
    Muita felicidade pra vcs!!!
    Beijos
    Mônica

  10. Que lindo! Ser pai/filho nao é ter o mesmo dna. é ter o mesmo amor e respeito um pelo outro. Isso é o que importa!

  11. Que linda estória, é muito ver o nosso filho ser amado assim.
    Parabéns pela linda famílai.
    bjusss

  12. Perdi meu pai novinha e minha mae se casou de novo. Meu padrasto sempre quis ter uma filha, mas ate o momento so tinha 2 marmanjoes (meus irmaos, nao diga que nao hahaha). Ele sempre estava disponivel por mim, sempre fez os questionarios para os namorados, sempre me buscava nas baladinhas qndo tinha 14/15 anos. Mas o q eu mais admiro ele é que ele SEMPRE sou que meu pai existia. Nos dias que eu queria ir ao cemiterio, ou mesmo a igreja, era ele que se prontificava a me levar. Acho q ele tinha um pouco de ciumes do meu pai, mas depois ele percebeu que qndo mais respeito ele tivesse por meu pai e o q ele representa para mim, mais proximos seriamos. Foi ele, inclusive, que convenceu minha mae a deixar eu fazer uma tattoo em homenagem ao meu pai.
    bjo

  13. Ka, linda a história da sua família!! A gente precisa conhecer o Breno, o Rosinha, o novo baby(e ainda devolver os livros hehehe)

    Beijao!!

  14. São lindos todos vocês.
    Beijocas,

    p.s. obrigada pelo comentário fofo no blog e pelas coxinhas. 🙂

  15. Sinta-se abençoada,é muito dificil um homem fazer esse papel tão bem,eu sei bem disso,kkkkkkk
    O meu marido não é pai do meu mais velho também, e foi dura a adaptação.
    Mas graças à Deus deu tudo certo.
    Beijos linda ,se cuida por ai.

  16. Lindo! Chorei de verdade! Vc sabe o quanto uma grávida é emotiva, né?
    Que Deus sempre abençõe a sua linda família! Beijos

  17. Lindo um relacionamento assim.
    E seu filho é lindo também.
    Beijo

  18. Da pra sentir o tamanho do amor ja pelas fotos, lindas! Agora, a Chloe, coadjuvante, com aquela energia toda pra gastar com os pais? Eu DUVIDO! 🙂

  19. Oi Ká linda história de Amor….que Deus continue abençoando essa família linda sempre!!!!!!!!

  20. Ohhh… S2

    FELICIDADE à família que, por sinal, só aumenta! Hihihi

  21. Ká, ou eu sou MUITO manteiga, ou você tem o PODER de me fazer chorar. Adoro vc. Beeijo lindinha.

  22. Kààààààààààà, que coisa lindaaaaaaaaaaaaaaaaa!
    vale chorar?
    Amiga virtual, que DEUS abençoe cada dia de vostras vidas!
    Espero t conhecer em breve, adorei seu cartao de natal.
    aparece mais no skype, beijinho

  23. ah Ká! Que lindos!! Com certeza, como já disseram, nada é por acaso.Todas as vidas com as quais cruzamos nesse mundo, tem um motivo, vem de uma ligação anterior! E o importante é o afeto, a amizade. Pai é quem cria, quem convive, não importando se é de sangue ou não! Beijos

  24. Que lindo!! Uma prova de amor.

    Bjs e Bom fim de semana

  25. Que maravilha Ka!

    Deus nunca nos dá as bênçãos pela metade, Ele sempre as dá full package :)!

    Bjos!

  26. Muito bacana a relação dos dois.
    Obrigado pelo post Ká, de verdade.
    Seu blog é incrível!
    Beijo querida, tudo de bom nessa gravidez nova e que com certeza a criança vai ser muito fofa, como você!

  27. Eles são dois presentes na tua vida!

  28. Karine, que post lindo! Lendo teu blog, em certos momentos me passou essa mesma duvida pela cabeça, sera que ele aceita bem o filho dela? Pode acontecer de não se entenderem bem, né? Mas aqui tu nos mostra que é o contrario, que ele so nao aceita bem como o trata como se fosse filho mesmo. Acho que para o Breno isso é muito importante também, se sentir integrado à vida que tu escolheste para vocês. E antes de terminar, queria te parabenizar pelo bebê que vem por ai. Beijos

  29. Coisas de família…Ô coisa boa!!!!
    Bj bonita

  30. Bela história. Tudo isso é um presente de Deus, pois no final tudo dá certo.

    beijos e fique com Deus

  31. Aeee Ká! q lindo isso, é a simples prova de amor isso, puro e doce!!!

    E parabéns pelo novo baby q vem por ai !!! parideiraaaaaaaa hein rsrs

    Bjão pra vc e todos ai.

    Thiii Starker

  32. Que lindo e que benção! Uma belíssima história.
    Primeira vez que entro no seu blog e foi uma alegria ler esse post! =D
    Tomei coragem e comecei um blog sobre minha vida no oriente médio.
    Eu li no "quem escreve" como o intercâmbio mudou a sua vida e posso dizer que a minha tb! Acho que isso é uma regra, né? rs
    Bjs,
    Manddy

  33. Esse tipo de homem eh incrivel, pois eles viram pai com o coracao e esse intercambio de amor e afeicao eh uma coisa linda de se ver! Como vc sabe, a minha situacao eh muito parecida com a sua, e essa aceitacao tao natural de um pai por filho e vice-versa eh uma alegria nesse coracao de mae. Nossos pequenos merecem!

  34. nossa, me emocionei lendo essa historia. Q lindo.

    Deus é bom.

    bjo

  35. Linda a relação deles Ká…dá pra perceber pelos seus comentários…

    E olha que sou uma mera leitora, aqui do Brasil….ehehhe

    Parabéns pela família linda que agora vai aumentar!!!

    Beijos
    Ciça

  36. Tão bonito esse texto. Um dos mais bonitos que já li em blog.

  37. Xara, concordo e assino embaixo de todos os comentarios feitos aqui! Emocionante, que Deus os abencoe sempre!!! Beijos

Deixe uma resposta