Pessoa de Princípio.

Pessoa de Princípio.

Eu sou carioca.
E todo mundo sabe que o Rio de janeiro recebe milhares de turistas todos os anos.
E todo mundo sabe também que turista adora uma praia.
Sendo eu carioca e o Rj turístico, já vi muito gringo de meia e sandália, já vi muito gringo pagando mico engraçado !
E se você é de qualquer cidade praística, também.
Você já viu e riu, porque, né?
Sem ofensa, é claro, mas é funny.
Meia e sandália não combinam entre si.
Tipo pochete e salto alto.
É uma parada que não se encaixa, “sabecolé?”
Mas hoje, tendo filhas gringas, eu entendo a lógica deles.
As meninas passam tanto tempo de meia calça, que acham a coisa mais estranha do mundo colocar uma sandália, sem meia. (sem contar que não estão acostumados com areia no pé)

Aí, como aqui se faz, aqui se paga, quando a gente foi a Portugal, tive que esconder, muito bem escondido, todas as meias e meia-calças delas.
Todos os dias pela manhã era a primeira coisa que a Chloe e Mia me pediam.
Pediam não, imploravam.
Com todo o drama que a palavra implorar implica.
Imagine só você, as duas vestidas de biquine e de meia.
Visualizou a cena?
Deus me livre!
Já pensou a manchete no globo.com?
“Filhas de carioca, vistas em praia usando meia e sandália!”
Não dá!
É muito desgosto para uma mãe carioca que passou a vida achando graça da meia dos outros.

Pode pintar o cabelo de rosa ou roxo, colocar piercing ou fazer tatoo, mas sandália e meia, não tolero.
Enquanto morar embaixo do meu teto, não!
Isso iria contra a todos os meus princípios carioquísticos.
E princípios carioquísticos existem para serem respeitados.

Sem contar que já basta o fato de as únicas pessoas a serem usuárias de havaianas aqui em casa, ser eu e o Breno, porque nenhum dos 4 gringos, que comigo residem, conseguem colocar nada entre os dedos do pé, ou seja, sobrevivi a essa decepção, seria demais pedir ao meu coração para aguentar sandália com meia, né?
Não aceito.
Na minha casa, não.
(quer dizer, na minha casa, sem ninguém de fora ver, até vai…)

Facebook Comments

5 Comments

  1. Muito engraçado seu post….meias e sandálias não combinam mesmo!!!! hahahahaha

  2. kkkk.bem assim mesmo,o Dave por exemplo adora usar sua bermuda com camisa manga curta,sandalias e as meias….

  3. Eu demorei para aceitar havaianas e sempre fui bem brasileira. Era engraçado, pois as que eu tentava eram de qualquer marca e me machucavam. aí minha mãe comprava aqueles chinelos raider e eu queria "morrer" pois eram horríveis para brincar, o pé saia pela frente , ficava pessimo e ainda no calor do chão do Brasil meus dedinhos encostavam no chão quando eu corria bem rapido. Péssimo.

    Tive minha primeira havaianas depois dos 13 anos de idade… e quando acostumei com esse negocio entre os dedos. Mas hoje em dia tem todo tipo de havaianas, inclusive sem o dedo… mais ´facil para eles acostumarem…

    Quando eu tinha uns 14 anos, chinelo sem meia ok (sempre)… mas nao conseguia usar melissa sem meia, nenhuma nem aquelas meio plataforma, tamanco!!! hahahaha

  4. hahahahaha… rolando de rir! Ficariam lindas de qualquer jeito, mas que seria hilário seria.

  5. olá Karine.

    Tive de rir. Moro em Fortaleza-Ce. Cidade de praia. E "topei" com um gringo de chinelão (sandália de couro) e meia branca. Eu quase infartei. Quando o gringo se afastou caí na gargalhada.
    Eu te entendo.

    Regina

Deixe uma resposta