Irlanda x Sexo

.
Ontem assistindo a um programa na televisão, tomei conhecimento de algumas curiosidades sobre a Irlanda e resolvi dividir com vocês…

Você sabia que nos anos 80 era necessário receita médica para comprar camisinhas ?

Que revistas pornograficas não existiam por aqui a 15 anos atrás? (e que a curiosidade era saciada somente por livros de fotografia ou livros escolares que ilustravam o corpo humano?).

Pilulas anticoncepcionais só eram vendidas a casais casados e não católicos?

Solteiros que quisessem comprar camisinha tinham que comprar no “câmbio negro” vindo de Londres.(imagina virar traficante de camisinha!? Acho digno!)

Sexy shops só foram permitidos a 5 anos atrás ! :0

Até hoje Irlandeses não podem comprar material erôtico pela internet !:0

Mas não se enganem, essas medidas não foram suficientes para evitar que a Irlanda fosse o País campeão em índice quando o assunto eh Incesto (inclusive na novela que esta no ar,a principal trama envolve o caso amoroso entre um casal de irmãos) e de ter a alguns anos atrás um bispo (não foi Padre e nem Pastor,foi BISPO) envolvido com sua sua empregada doméstica e ter tido um filho com a mesma, o que para um País considerado Católico ao extremo foi um mega escândalo.

Portanto essas restrições tão severas em relação ao sexo seriam por motivos religiosos ou por pura hipocrisia?

.

Facebook Comments

13 Comments

  1. Imagina o cara chegando para comprar camisinha e justificando a receita médica com a seguinte moléstia que o atormenta: abstinência… isso realmente é sério. rs

    Afinal, haja mão direita… rs

  2. AXO QUE UMA COISA TAUM BOA DE SE FAZER NAUM DEVERIA TER MUITO TABU NAUM… CLARO QUE TUDO TEM LIMITE E NAUM PODE VIRAR UM BACANAL GENERALIZADO…
    DOUTOR, EU NAUM ESTOU BEM, ANDO MEIO SÓ, O SENHOR NAUM PODE ME RECEITAR UMA CAIXA DE CAMISINHA, TENHO UMAS AMIGAS SEM MERATRICIO PERTO DA MINHA CASA… POR FAVOR DOUTOR…

    HEHEHE

    BJO

  3. Nossa! Fico surpresa como alguns lugares ainda têm a mente tão fechada!

  4. Pelo que vc falou, não adianta nada tantas regras, restrições.
    As pessoas acabam é fazendo de uma forma ou de outra, e pelo que to vendo coisas não muito legais..

    Se fosse mais liberal talvez não teriam casos como alguns que vc citou .. “o bispo, insesto”
    E vai saber oq mais acontece escondido que não é divulgado!!

    abç..

  5. Gostei muito do seu blog, Karine.
    Eu tb morei na Irlanda, gosto muito da cultura.
    Vamos trocar mais !!!
    Vou adicioná-la nos meus links.
    Um beijo

  6. Oi Ka??

    Olha eu aqui de novo!!

    Adoro o seu blog..

    Abç..

  7. Loucura, loucura.

    Se o sexo fosse ruim Deus não teria feito.
    O SEXO é algo mais que divino. “O SEXO”

  8. depois de tudo isso só falta falar que o índice de natalidade é alto na Irlanda…

    cada coisa que eu vejo viu…

    ahahsas

    parabéns pelo blog!
    e viva o saquinho de geladinho!!!

    visite o meu tbm!
    😉

  9. muito bom seu blog!
    Eu já tinha conhecimento que a Irlanda era uma “terra sem sexo”.
    Coitados dos adolescentes de lá!!

    Bjuxx!

  10. é por estas e outra que estes paises europeus tem tão baixa taxa de natalidade…

    mais de qualquer maneira preferiria isso à pormiscuidade e ioralide sexual do Brasil

  11. Ahauahahauaua,virar traficante de camisinha foi ótimo…Boa!

  12. oi ká! acabei de voltar de london.. incrivel la, enfim.

    Nao sabia desses detalhes de sexo aqui na Irlanda nao! Ouvi coisas sobre a camisinha, e ainda acho dificil, nao é em qualquer esquina como no brasil.

    Mas acho que tentar “prender”, “esconder” e proibir coisas relacionadas a sexo, só aumentam o efeito contrario. É como proibir seus filhos de sairem pra balada até os 18, 19, e depois descobrir que eles saiam escondidos ou que estao fazendo coisas muito piores.

    Estou generalizando, claro, mas acho que fica aquela coisa do “tudo que é proibido é mais gostoso” misturado com a curiosidade que nao é saceada em forma de educacao (nas aulas, dialogo entre pais.. duvido que tenha..)enfim, my 2 cents 🙂

    beijao

  13. Interessante! Há alguns bons anos atrás também não havia estas propragandas de irlandesas só de lingerie anunciando conversa ao telefone. Agora já não vejo tanta diferença entre o que passam na tv aqui e no Brasil. Não acho essa semelhança positiva. Nesse caso, quanto mais diferente fosse melhor. Imagina dança do tchan em programa dominical em solo irlandês???

Deixe uma resposta