Uncategorized

Igreja Dos Fracos e Oprimidos?

A imprensa ontem  na Irlanda nao falou de outra coisa.

Um homem de 36 anos foi considerado culpado de Sexual Assault contra uma jovem de 22 anos que ele tinha acabado de conhecer em uma Boite a 2 anos atras sendo condenado a 7 anos de prisao, ate’ ai’ tudo bem, mas o que mais chocou a sociedade foi que um Padre e mais 49 pessoas fizeram fila na corte para prestar solidariedade ao condenado todos apertaram sua mao e o abracaram, inclusive comentando que a condenacao a 7 anos era muito alta  , ignorando completamente  a real vitima que no momento estava no mesmo ambiente que o criminoso assistindo a essa cena bizarra de total falta de respeito.

Depois de todas as criticas o Padre se defendeu dizendo que conhecia o condenado (que inclusive tem uma noiva) e nao conhecia a vitima, por isso nao a cumprimentou.

Esse ato no minimo improprio  fez com que autoridades  voltassem a discutir como sao (mau) tratadas as vitimas de crimes sexuais por aqui, parece que a coisa de “a mulher que provocou” e’ um sentimento corriqueiro na sociedade, fazendo com que isso intimide cada vez mais as vitimas a denunciarem crimes dessa natureza, a Imprensa ao contrario , respeitando a privacidade de quem alem de passar por momentos terriveis ainda sera’ julgada mantem o anonimato das vitimas.

A Irlanda e’ Catolica, mas com tantos escandalos vindo cada vez mais a tona , ajudadas por comportamentos inadequados como esse, a Igreja e seus representantes vem perdendo cada vez mais o seu poder ou pelo menos Deveriam…

Facebook Comments

14 Comments

  1. Oi Karine

    Olha, não vou nem comentar a atitude do taradão, mas quanto ao padre, já está mais do que provado e já foi até mostrado em filmes q por trás da "mascara" episcopal, as autoridades religiosas adoram uma safadeza!

    abçs

    http://rodzonline.blogspot.com/

  2. é porque era um homem.A igreja só condena as mulheres porque na biblia esta escrita que foi culpda da eva o pecado original.Pecado deveria ser que o adão não curtia muita a eva isso sim….
    bjs amiga

  3. É realmente. Eu sou homem com H maiúsculo, diga-se de passagem, mas a sociedade em geral é machista, pois aceita o homem ter mais de uma mulher ou atacá-la – qualquer que seja – por seu "instinto masculino", enquanto a mulher sempre leva a culpa: por está mal vestida, por corresponder aos assédios ou não, enfim ela é sempre a culpada. Aqui mesmo, no Brasil, teve o Caso da garota da Universidade de Saõ Paulo que foi "apedrejada" pelos outros estudantes e foi tratada como provocadora do incidente, isso por usar roupas provocantes, não defendo ela, que deveria ser mais comedida, mas e os garotos que agiram mal?

  4. Não sei se você soube, mas no Brasil, há pouco tempo, ocorreu um episódio bizarro de assédio sexual, aonde a assediada foi expulsa da faculdade e todos os envolvidos no assédio não sofreram nada.

    Se aí na Irlanda o pessoal é atrasado, aqui é tudo um bando de neandertal… =(

  5. Infelizmente existem muitos padres tarados. Provavelmente esse eh um deles e apoia pq deve entender o que o taradao fez.
    Eh por isso que axo q os padres deveriam casar, eles sofrem de falta de sexo, ou com o sexo pervertido pq eh proibido neh?!

  6. Negar o machismo que ainda existe na nossa sociedade é como negar que o racismo ou a xenofobia não existem… Existem sim e fazem parte do nosso cotidiano, infelizmente. Nós, mulheres, ainda temos muito que lutar pelos nossos direitos e pela igualdade de gêneros.

    O grande problema é que o feminismo é muito estereotipado (por machistas, claro) e acaba caindo no descrédito ou sendo levado na gozação.

    A Igreja Católica é um dos maiores exemplos de machismo de todos os tempos… e não adianta falar da Virgem Maria para se desculpar.

  7. Infelismente tem pessoas que apoia esses climinosos, tudo bem que errar é humano, mas a pessoa tem que pagar por esse erro.

  8. Ai… Não tem coisa que me revolta mais do que esse tipo de coisa. Sinto até desgosto de assistir um jornal hoje em dia, mas, infelizmente, não posso simplesmente me alienar.

    Abraço! ;*

  9. É impressionante a hipocrisia humana… se fosse a irmã do padre, talvez tudo fosse diferente…
    abç

  10. É Karine, infelizmente a cultura machista impera no mundo todo…
    Agora, como se já não bastasse, tem muito padre que além de machista é pedófilo, tarado, gay e por aí vai.
    Tá tudo errado. Fim dos tempos

    Bj

    Rodz

  11. Acho que é importante ressaltar que nenhuma instituição está totalmente isenta da parcialidade. O padre, por conhecer o rapaz e ter por ele certa afeição, foi contra os próprios princípios da religião que prega. Isso talvez mostre o quão flexível a religião é: a teoria e a prática nem sempre se encontram.

    E falta muito bom senso da parte do padre dizer que não cumprimentou a vítima porque não a conhecia, como se o fato de ele conhecer o agressor significasse que ele merece ser posto de lado em relação ao crime.
    Na minha opinião, uma atitude patética.

  12. Bem tenso hein 😡
    nada contra os católicos, mas existe um preconceito contra as mulheres sim, isso já foi exposto em rede nacional.
    Enfim, isso nos leva a refletir sobre o que esta acontecendo por ai.

    http://world-carol.blogspot.com/

    Beijo, beijo :*

  13. Impressionante que o mundo está cheio destes mascarados. O cara reunir 49 mascarados para falar com um estuprador? Arrêgo, pelo fato que você mesmo ratificou sobre a religiosidade dos irlandeses eu já mais imaginaria que leria algo deste tipo.

  14. Sou a favor do padre conversar com o condenado, tentar aliviar um pouco a dor do momento. Mas deveria ter ido conversar com a vítima também.

Deixe uma resposta