Liberté, Egalité, Mãe de Merdé

Liberté, Egalité, Mãe de Merdé

Tá grávida, E agora?

Se eu pudesse dar um conselho as mulheres que estão grávidas, eu diria para se afastarem da internet.

Rápido!

Pela sanidade mental dela e de todos os envolvidos.

Porque olha, até eu que já sou mãe de dois e bem segura das minhas decisões, as vezes, segundo a cartilha da liga das mães perfeitas, me acho uma mãe de merda e se você tem curiosidade em saber quanto a sua classificação nessa linda e maravilhosa jornada da maternidade em tempos de internet, é só marcar com x as respostas abaixo que se enquadram ao seu perfil, vamos lá?

( ) Você teve seu filho de parto normal, sem anestesia? (se foi domiciliar, marque 10 pontos a mais- se foi cesárea 350 pontos a menos (sua lazy!)
( ) Você amamentou seu filho exclusivamente até os 9 meses ? (se o bico tiver sangrado, marque mais 10 pontos extras-quanto mais dramática a cena, melhor.)
( ) Foi adepta a Livre demanda?
( ) Cama compartilhada até os 5 anos de idade?
( ) Não deixou seu filho chorar, nem diante da maior pirraça já vista na história desse país?
( ) Não deu açúcar até os 2 anos de idade?
( ) Não usou fralda descartável, só de pano? (se não tiver usado fralda nenhuma, marque mais 20 pontos, porque, né? você merece muito!)
( ) Não deixa seu filho assistir televisão, nem pra ver o Jornal nacional?
( ) Não deu chupeta e nem mamadeira ? (pois é, chupeta e mamadeira – esses vilões!- são os pecados mais modernos da maternidade atual)

Resultado:

Se você marcou menos de 4 respostas na lista acima, é com muito PRAZER que lhe informo que:
Você é uma péssima mãe e o principal, não ama seus filhos!
Isso mesmo!
N-ã-o ama seus f-i-l-h-o-s, tô te dizendo, assim na sua cara, porque “eu” sei muito mais do que você, que você não ama, não ama, não ama seus filhos! (pulando e movimentando os braços simultaneamente)

Pois é, meu povo, foi bom estar com você, brincar com você, mas queimei todas as possibilidades de uma vida longa, feliz e cheia de amor, na companhia dos meus filhos e marido e aguardo a qualquer momento ser atirada na fogueira.

 

Feliz era a minha avó, não porque pariu em casa, mas porque seus instintos maternos valiam muito mais do que livros, pesquisas e a opinião da vizinha.

E quanto a nós, nos vemos na próxima vida. (se as mães normais forem liberadas, é claro…)

Olha, depois de ter escrito esse post, tô com muito medo,  qualquer barulho que escuto penso que é a entidade protetora da criança e do adolescente arrombando a minha porta para levarem minhas kids.
Tô nem dormindo mais a noite, né?

.

Facebook Comments

23 Comments

  1. A-do-rei!!! Eu antes de ter minha filhota, lia como uma louca todos os diàrios de maes perfeitas! TODOS! achava uma delicia! tinha em mente tudo! estava certa nao erraria! kkkkkkkkkkkk A filhota nasceu e aprendi tudo de novo, da forma como tem que ser, vivendo, naturalmente e as regras foram aparecendo… Detalhe: 90% ou mais de tudo que lia, nao tinha nada a ve na pratica! porque cada experiencia è diferente! dei mamadeira, chupeta, deixava dormir no peito, e etc etc… ops, deixa eu parar, vai que apareceram aqui em casa tbm…

  2. Querida, voce nao entendeu nada!
    Eu tive parto normal, amamentei ate os 9 meses ( 6 meses so no peito, nao dava nem agua), Nao dei acucar ate os dois anos e adivinhe:
    Todos os dias tenho que ouvir que mae de emrda eu fui e SOU.
    Ja ouvi isso milhares de vezes das minha proprias filhas, agora, hoje em dia, tenho que ouvir essa porra dos meus sogros TODAS AS VEZES que eles me encontram. E como se nao bastasse, eles tambem fazem questao de falar para as meninas a mae de emrda que eu sou…

    Entao, se e pra fazer competicao de quem e a pior mae, eu gostaria de me inscrever. mas tem que ser logo, antes que eu encha um FDP desses de porrada e va parar na cadeia.

    PS – Se voce, apesar de ser uma pessima mae quiser concorrer a um kit de scrapbooking digital ( nao precisa fazer album das criancas, vc pode fazer album dos filhos do vizinho, do cachorro do prefeito…) eu to sorteando um la no meu blog.

    BJ

  3. To mto decepecionada cmg mesmo, sou uma mae merdona..rsrs
    A Bella mama ate hj, mas pq eu acho bem mais pratico, acuca ela ja viu, mamadeira tbm e se eu for contar sou a mae errada, mas a mae sou eu nao e mesmo?!?
    Sou da opiniao que cada um que cuide da sua cria como acha melhor…
    Agora parto normal so se eu estiver com anestegia ate o talo e lavar fralda com coco..nem pensar…rs

    Obrigada por escrever oq nos maes de merda vivemos…rs
    Bjs

  4. Eu me poquei de tanto rir! Você é muito engraçada!
    A regra geral é a seguinte "não importa o que a mãe faça, sempre terá alguém apontando um defeito". E deve ser difícil, ainda mais quando a ciência começa a desenvolver um monte de estudo comprovando que o que você faz é erradíssimo e vai traumatizar/dificular a vida da criança.

    Quando eu penso em ser mãe, as pessoa já colocam tanta pressão, dizendo que eu serei ótima, pois eu era psicóloga infantil…hai ai, eu tenho certeza que não vou alcançar essa expectativa, afinal cada um tem uma idéia do que é uma boa mãe, né?

  5. hahaha adorei Ká e te digo, diante de tudo isso devo ser a pior mãe do mundo hahaha.
    Além de duas cesáreas, dar mamadeira, dar açúcar, usar fralda descartável, e dar chupeta, ainda consegui convencer a caçula a pegar a chupeta a todo custo haha.
    Mãe de merdas que somos haha.
    Beijoooos

  6. Olha, vou falar que é exatamente por isso que eu não escrevo blog sobre "maternidade". Sempre tem alguém pra te julgar, achar que é melhor que você e tudo o mais. Fiz tudo o que eu fiz (nem vou dizer quantos dessa lista porque não quero o rótulo rs) pensando no que EU achava melhor para a minha filha, se os outros acham desnecessário, beleza! Como dizia o poeta, cada um com seus problemas, rs. xx

  7. Bravo Bravo Bravo

    Simplesmente ADOREI

    Um grande beijo

    Dani

  8. Tá doidinha essa Ká. Post engraçado.

  9. tô frustrada vou ser uma mae de merda… que merda ptzzz

  10. Amei, amei e ameeeeiiiii!!!
    Tô me sentindo realizada com esse post!
    Eu sofri muito com essa história de amamentação! Não tinha leite suficiente, o menino berrava de fome. Sangrei até! Até hoje estou machucada. Uma dor terrível mesmo! E fui obrigada a ouvir que eu não queria amamentar por vaidade (oi?), que a criança só é feliz se mamar no peito e etc. Meu filho mama na mamadeira desde que completou 1 mês, chupa chupeta e é super feliz e saudável.
    Ah! Essa é de matar! Veio uma visita aqui em casa e perguntou se meu filho já tinha cólica. Eu respondi que não. A pessoa fala ah, mas ele vai ter sim! E a segunda pérola foi a pessoa dizer, só pra me fazer inveja, que a filha já nasceu dormindo a noite toda. Sério, quase surtei!
    Ninguém é modelo pra ninguém! Cada um educa da maneira que quiser. Cada criança é de um jeito. Cada mãe tb.

  11. Amei, amei e ameeeeiiiii!!!
    Tô me sentindo realizada com esse post!
    Eu sofri muito com essa história de amamentação! Não tinha leite suficiente, o menino berrava de fome. Sangrei até! Até hoje estou machucada. Uma dor terrível mesmo! E fui obrigada a ouvir que eu não queria amamentar por vaidade (oi?), que a criança só é feliz se mamar no peito e etc. Meu filho mama na mamadeira desde que completou 1 mês, chupa chupeta e é super feliz e saudável.
    Ah! Essa é de matar! Veio uma visita aqui em casa e perguntou se meu filho já tinha cólica. Eu respondi que não. A pessoa fala ah, mas ele vai ter sim! E a segunda pérola foi a pessoa dizer, só pra me fazer inveja, que a filha já nasceu dormindo a noite toda. Sério, quase surtei!
    Ninguém é modelo pra ninguém! Cada um educa da maneira que quiser. Cada criança é de um jeito. Cada mãe tb.

  12. E esse é o lado positivo de morar para esses lador do Pólo Norte, na escuridão de uma geleira. Ninguém fica dando pitaco e eu me acho a melhor mãe que existe! hahahahahahahahahhaha

  13. Hahaha!
    Eu ri muito!
    Mas é sério, toda vez que leio blogs desse tipo fico pensando com meus botões e duvidando da minha capacidade de futura-mãe (um dia, rs).
    O melhor seria mesmo não ler pra não ficar pensando besteira, né?

    Beijo!

  14. KArine,
    Ando de saco cheio dessas maes q se acham perfeitas por parir no mato, limpar coco de fralda, amamentar ateh os 10 anos e por ai vai.
    Sabe se elas querem fazer isso, que bom para elas, mas nao venham medir amor ou queree me convencer que eh o melhjor.
    Como eu respeito o check list de perfeicao delas, que respeitem o meu tambem.
    Eu sou uma mae perfeita q fez cesarea, usa fralda descartavel , a filha vai na creche e muito mais hehehe
    x Carol P

  15. Eu tô tão de saco cheio dessa conversinha de mãe hippie que a minha vontade é mandar a merda mesmo. Sem mais.
    Beijos

  16. Apesar de eu tbm ter na testa o carimbo "mãe de merda" seu post me fez ver q há esperança na humanidade.. huaua
    Não somo perfeitos.. estamos loooonge disso.. Graças a Deus!!
    Bjnhos em vcs!

  17. Marido, que tem dois, sempre diz: a melhor coisa que uma mae faz é nao ler livros sobre maternidade. rsrs

    Eu, hein!?

    Bjs!

  18. Não pire hahah vc é a melhor mãe que pode ser!!!!!!!Cuide bem dos meus netos, viu????? hahaha

  19. Karine, curioso isso né, nasci de cesariana, nunca mamei no peito, comi doce até falar chega, minha mãe diz que eu chorava até ficar sem ar "também ela tinha de dar conta da casa e de um bebê chorão sozinha". Usei fralda de pano pq 30 e poucos anos atras nem sei se tinha descartável, e se tivesse usado descartável, que mal faria? Essas mães metidas a besta que ficam apontando o dedo pras outras, isso pode, isso não a da um tempo né, quem tem que achar qualquer coisa são os filhos, não elas. E agora me manda dar uma nota de 1 a 10 pra minha mãe, ela vai tirar dez com certeza, nunca me senti menos amado por ela não ter seguido essa lista, como disse a Nívea tem é de mandar a merd@ mesmo, abraço.

  20. Achei patético este seu post.

  21. “Laura” vc acha o meu post patético e perde 41 minutos no meu blog…..acho que vc ganhou de mim, flor!

    Tenho poderes mágicos Rá!

    beijo e volte sempre (ou não, né?)

  22. nao sei o que foi melhor – o post ou o recadinho pra laura…kkkkk

    voce e OTEMA!

Deixe uma resposta