Dois pesos, Duas medidas.

Dois pesos, Duas medidas.

As mulheres aqui na Irlanda ficam grávidas relativamente tarde.
Não vou entrar no mérito das adolescentes que engravidam por não se prevenirem, mas a faixa etária das mulheres maduras que engravidam consciente é tarde, pelo menos, muito mais tarde do que a média de nós brasileiras, ou seja, eu não sei como elas fazem.
Sinceramente, honestamente, pacientemente, n-ã-o s-e-i.
Porque assim, tive o Breno aos 22 anos.
A gravidez foi um sucesso.
Não tive dor ali, aqui ou acolá.
Não senti dor nas costas, nem sofri de azia ou má digestão.
Nem cansada eu ficava.
Daí , fiquei grávida da Chloe 8 anos depois.
Aos 30.
E a coisa já não foi tão linda.
Sentia dor inclusive nas bochechas.
Sério, nas bochechas. (preciso ser estudada cientificamente, eu acho)
E mais, depois de 2 anos e meio do nascimento dela continuava colocando a culpa da barriga que teimava em não sumir, na gravidez, claro que ninguém acreditava, né? mas eu gostava de me enganar, sabe?
Agora grávida again aos 33 a coisa tá feia para o meu lado.
Além de todas as dores normais, tenho milhões de coisas para fazer e pouco tempo para descansar.
Imagine com 3, será que vou dar conta?
Será que aos 35 vou conseguir correr atrás de kid por aí?
E quando eu tiver 40?
Ainda vou ter que ajudar no dever de casa depois da escola?
Eu acho que quando a gente fica grávida do primeiro mais tarde, ainda vai, mas ficar grávida tendo que cuidar de outros filhos pequenos, complica.
Muito.
E olha que o Breno nem pequeno é, né?
Não me entendam mal, se os filhos aparecessem de um dia para o outro ia ser lindo, lindo mesmo,
o problema é o processo de transformação de pessoa ativa em bolota ambulante (com andar sexy de patolina) para agravar.
.
.
.
.

Olha, eu estava pensando muito seriamente em ter o quarto, q-u-a-r-t-o filho.
Mas estou super tentada a aceitar a proposta oferecida pela Doc de fechar a fábrica.
Porque Gravidez depois dos 35, é melhor deixar para quem entende…

.
Facebook Comments

44 Comments

  1. Nossa… a minha impressão é justamente o contrário em relação às brasileiras… todas que planejaram por aqui e na minha família, o primeiro filho veio aos 35 ou 36 anos…

    Mas em geral eu vejo a mulherada (no trabalho, nos locais em que frequento) com 29 ou 30 nem querendo pensar em filhos…

    Mas olha… você consegue sim, mais madura… lidará super bem com quantos filhos quiser ter!!! :D:D:D E a cada vez, deve ser uma delícia!

  2. Ai amiga, e se eu te falar que me sinto muito melhor, com muito mais ânimo hoje aos 33 do que aos 20? Não teria dado conta, não. E ainda acho que com 40 vou estar melhor.
    Beijos

  3. HHAHAHA Já descobriu o que significa o peso da idade????? Pois é daí pra pior…hhaha Brincadeira é a gravidez mesmo junto com todos os afazeres….mas passa rápido com saúde td dá certo!!!!bjks e fq com Deus

  4. Karine, eu tinha uma idéia muito linda de gravidez e infelizmente não vivi o que esperava. 🙁 mas essa idéia de quarto filho achei o máximo. Admiro demais quem segue adiante como você! Bj

    • Pois é, nunca tive grandes expectativas por isso não me decepcionei tanto, mas o quarto filho, por enquanto está fora de cogitação, pelo menos pelas vias normais…

      beijo

  5. kkk
    as minhas vieram com 24 e 26. E fim dos nossos servicos – assim posos contar pra todo mundo que gravidez e a coisa mais facil do mundo!

  6. Gente, vc queria 4!? Jesus amado!:)

  7. Ahhh me botou medinho 🙁

    • Ih boba!
      Sou a maior defensora do povoamento terráqueo e acho o máximo
      a procriação, o problema é quando a gente começa cedo e não fecha a fábrica até mais tarde, entende?

      beijo

  8. Vai fazendo filho e aí e vai contando…
    pra eu verificar minha possibilidade energética pra abrir a fábrica
    😀

  9. Morri de rir!!!
    Agora que vou pensar ainda mais seriamente! Mas tento me convencer que ter o primeiro após os 30 não deve ser difícil, mas no seu caso, tendo ainda 2 para cuidar… Eu não teria coragem!

    • Não prense muito não flor!
      Se joga e na verdade eu reclamo assim, mas eu gostcho de procriar e tenho certeza de que vc também vai gostar! 🙂

      beijoca

  10. Olha, minha primeira veio aos 33 anos, e eu me sinto com 50… queria ter 4, chegamos a um acordo de fechar em 3 e quem disse que consigo coragem (e forca, energia, saude) para encomendar o segundo? Acho que o que pega eh que a gente nao tem ninguem aqui pra ajudar, nem sogra, nem primo, nem vizinho… E sem contar que dormir eh meu esporte preferido. Mas amei estar gravida (tanto que queria ser mae de aluguel), amei parir, amei amamentar, amei tudo tudo. P.S.: Minha mae me teve quando ela tinha 39 anos. Isso ha 34 anos. Imagina?!

    • Aiii caraca, tu vai ter que criar essa coragem logo ou não vai cumprir a promessa dos 3!
      E ó, sua mãe é guerreira, eu aos 39 quero aposentadoria da maternidade!
      hahahahaha

      beijo

  11. ai ai e eu ainda vou comecar a procriar e já tenho 33 Deus tenha pena de mim e me dê um filhote igual ao Breno :)… suerte

    • Mas quando vc começa tarde é diferente, o problema é manter a fábrica aberta por tanto tempo e ó, quanto a você querer um Breno, lamento informar, Deus jogou o molde fora e igual aquele não existe 😀 hahahaha

      beijoca

  12. Eu te acho muito corajosa, mesmo. Não sei se teria essa mesma disposição e paciência. Talvez quando eu tiver o 1º eu possa falar com mais propriedade, né?

    Gosto da idéia de fazer tudo-ao-mesmo-tempo-agora. Quero ter logo meus dois/três bombons um atrás do outro sem longo intervalo de tempo.

    A Chloe tem ciúmes ou adora a idéia de ter uma outra girlie pra trocar figurinha?

    P.S: Você tem a composição de família que eu desejo: 1 menino + 2 meninas.

    • Tudo tem seus dois lados, né?
      Ontem mesmo estava conversando com o rosinha sobre isso,
      nossos filhos irão para faculdade em tempos completamente diferentes, ou seja, se Deus quiser poderemos dar uma educação boa a todos eles, agora imagina se os 3 estivessem na faculdade ao mesmo tempo?…

      Quanto a Chloe ter ciúme, ela vai ter, já estou preparada, mas eu sou tranquila, ou ela aprende a dividir por bem, ou aprende na marra, acho que ela ainda não entende muito bem o que está acontecendo não…vou ter que esperar nascer pra ver…hahahaha

      beijo

  13. Hehe! Bom saber que o humor continua em dia por aí, gordinha! Não acredito que vc nunca contou pra gente esse lance de bochecha doer. Sem dúvidas vc precisa ser estudada… 😉
    bjao

  14. Ai nao fecha a fabrica nao…
    E olha, vendo voce , eu vejo que tudo é possivel.
    Tudo da certo.
    beijo

    • Hahahahaha
      No dos outros é refresco, né Dona Lorena?
      Gente, minha coluna tá muito de mal comigo, se continuar assim e eu tentar o quarto passarei os 9 meses em uma cadeira de rodas…hahahahaha

      beijo

  15. Verdade quanto a diferença de disposição, eu tive meu mais velho com 19, sambei até a vepera do parto, depois do caçula,engravidei aos 27, e putz, passei mal do começo ao fim, nao podia sair sozinha que tinha tonturas, mas enfim, já acabou e eu amo ficar gravida, tô aqui querendo o terceiro,mas marido não quer de jeito nenhum,rsrsrsrs.
    Força amiga e ja ja passa e você ficara com saudades, principalmente dos mimos do marido.

    Beijos.

    • Nossa, parece que só vc me entendeu :)hahahaha
      é difícil, né companheira, comparar é uma m****, mas a gente chega lea e daqui a pouco eu já esqueci!
      Quanto ao seu marido, poxa poxa, faz chantagem, não resolve? hahahaha

      beijo

  16. Ka eu nao sei se me falta coragem ou espirito maternal, mas eu estou beirando os 29 e nunca me passou pela cabeca ter filhos (minha mae dizia o mesmo, teve eu filha unica aos 33 e fechou a fabrica apos o parto). Eu acho que o mundo precisa de mais pessoas com vontade de criar/educar e amar os filhos e isso parece que voce tem de sobra, entao bora ter 4 😉

    beijos

    • Opa, obrigada pela força, mas ó, esse tal de instinto aparece de um dia para o outro, a diferença é que se aparecer muito tarde a quantidade de crias terá que ser reduzida.
      Depois que eu tive o Breno e o pai dele morreu achei que fosse ficar só nisso e nem tinha vontade e nem pensava em ter mais filhos ou até mesmo me casar e olha eu aqui…hahaha o mundo dá umas voltas que eu até hoje não acredito! 🙂

      beijo

  17. Tem selinho pra vc lá no blog. Bjinhos.

  18. Olha, sempre "ouvi dizer" que o primeiro filho depois dos 35 era mais complicado. Mas, já tendo outros antes, seria mais tranquilo, o corpo já estaria "acostumado" e tal…entao, pra mim é novidade essas mudanças. Ok, nao seria se levarmos em consideraçao que mudamos sempre, né?
    Mas, força ai, fia. Pq, pelo menos, nao sendo marinheira de primeira viagem, até o choro vc já vai identificar mais rápido e muita coisa vai ser mais tranquila.
    Bjs!

    • Mas como mais tranquilo?
      Se alem da gravidez a gente tem que tomar conta dos que já tem? hahahaha
      Pode até ser no caso de quem tem ajuda e tals, mas para mim, que não tenho empregada full time ou mummy por perto, tá difícil amigue :/

      beijoca

  19. Eu to doida para ter um baby. Mas pelo jeito ele nao vai ser este mês novamente. :-(. As vezes penso que era melhor ter aberto a fábrica Antes. Assim nao estaria neste desespero agora. Parabens tenha sim 4 filhos ou mais.

    • Poxa poxa
      Você já experimentou o teste de ovulação?
      Me ajudou e engravidei de primeira, porque vc não tenta?
      E sim, a idéia de ter 4 filhos não saiu da minha cabeça, mas ele virá de maneira diferente, será adotado 🙂

      beijoca e muito boa sorte, tô torcendo!

  20. Eu to doida para ter um baby. Mas pelo jeito ele nao vai ser este mês novamente. :-(. As vezes penso que era melhor ter aberto a fábrica Antes. Assim nao estaria neste desespero agora. Parabens tenha sim 4 filhos ou mais.

  21. Neste caso eu sigo a linha de pensamento das Irish Lasses,se eu tiver filho será o mais tarde possível,beirando a menopausa(meujeitohiperboledeser)Eu sou muito preguiçosa para ter/cuidar de filho por agora.
    mas filhos alheios eu adoro,so,please,don't close the fab!

  22. Adorei a ideia do quarto filho. Sempre pensei muito também… Mas sabe que hoje e com o ritmo de vida que temos quero ter o terceiro e torcer para dar conta de todos.
    Um grande beijo.

Deixe uma resposta