Onde vende Merthiolate que Arde?

Eu levei umas palmadas quando era pequena.
E as poucas vezes que isso aconteceu, foi merecido.
Normalmente, mamis não precisava chegar aos finalmente, era só lembrar do cinto, que a gente obedecia.

Sou do tempo do “quando chegar em casa você vai ver só!”

Levei palmada e tô aqui, ó, normalzinha (ou o mais próximo que podemos chegar disso, depois de ter 4 filhos)

Assim como no Brasil, a Irlanda também tem a lei da Palmada, ou coisa que o valha, palmada aqui também não é permitido, pelo menos em público, ou se seu filho souber o número do Child Service (eles aprendem na escola)

Então, conta aqui pra mim, se nos dias de hoje não pode palmada, como seria uma ameaça corretiva, politicamente correta?
Porque há de haver uma ameaça corretiva politicamente correta, né?

Quem inventou esse negócio aê que tudo está errado, ensine o certo (e efetivo), please?!

Fica difícil viver em um mundo, em que eu não tenho a liberdade de falar  para os meus filhos :

“Se você fizer isso, você vai ficar sem dente, hein!!!?”

Gente, eu não vou quebrar os dentes dos meus filhos, óbvio, boas mães não quebram os dentes dos filhos, até porque dentista na Irlanda é uma fortuna, só a ameaça já funciona, sabe?
Mas nem ameaça pega bem.
O dia que ousei falar isso a um deles, Rosinha ficou apavorado. (falta de uma boa cintada)

Eu, nunca precisei bater.

Porque tenho lá minhas técnicas.

Mas o problema é que também não posso dizer em público :

“Oh fulana, vou te deixar sem TV por 1 semana!”

Ou simplesmente:

 “hoje a gente não vai mais ao Mc D’s!”

Porque eu não sei se você sabe, mas mãe de kid que vê TV e come no Mc Donald’s, mesmo vez ou outra, segundo o mundo moderno, não deveria nem ser mãe.

Sociedade, o que você espera de mim?

“Olha amor da minha vida, se você você virar seu prato de comida propositalmente no meu carpete, pela quarta vez ,vou te dar cenoura comum, ao invés de orgânica, viu?!”

O problema dessa geração é que agora, nem merthiolate arde.

 

Facebook Comments

9 Comments

  1. Hahahahahha tamo junto, abraça e chora!
    Se você, do alto da sua experiência, não sabe responder a este fundamental questionamento da maternagem, quem dirá nós, pobres mortais com 1 filho só.
    E se descobrir comofas, nos conta?
    Grande abraço!

  2. Ta dificil neh! Eh se apagar no macdonald mesmo kkkk

  3. Te entendo completa e totalmente.����

  4. Me senti representada!!!!!!!!
    Hj mesmo tava cá com meus botões achando que put# mundo chato…. ou sou eu que sigo as pessoas erradas no IG???? Sou a mãe mais lixo de merd# desse planeta!
    Mas agora já não me sinto mais tão sozinha!!!!!!

  5. Eu continuo ameaçando quebrar os dentes até hoje, dou uns beliscões, e chego bem no ouvido e falo, deixa a gente chegar em casa pra você ver,kkkkkk.
    Eu educo como fui educada,uns tapas dr vez em quando do pra carne não endurecer,kkkkk

  6. Rindo muito aqui…. tá fácil não… ����

  7. Eu não tenho filhos (eu mal me acostumei a pagar minhas contas, rs), mas acho que quando eu tiver, vou tentar não bater pq acho (do alto da montanha que é a minha ignorância) que ngm aprende nada se não for na base da conversa. Não que criança de 2, 3 ou 4 anos vá ligar pra conversa em determinados momentos, mas talvez uma cara feia ou um castigo resolvam. N acho que bater, por ser um tipo de violência, seja a resposta.
    Maaaaaaaaaaassss isso é a opinião de uma pessoa que não faz a menor ideia do que é ter filhos 24 h por dia, 7 dias por semana, pro resto da vida. N critico quem dê umas palmadas, pq simplesmente não sei da realidade de ngm, como os filhos são, qual o contexto familiar, etc.
    O tenso é que sempre tem gente pra criticar (isso vale pra qqr coisa na vida, rs), mas raramente vejo alguém ajudar uma mãe ou um pai em apuros, com as criança tudo escapando pela tangente.

    • OLha, eu vou te contar uma coisa, as crianças mais agressivas que conheço, são filhas de gente contra palmada, o que me leva a crer que essa teoria de que "dar palmada" torna as kids mais agressivas um pouco furada. As minhas filhas já apanharam da filha de uma amiga suuuuuper politicamente correta, por exemplo, Mas é exatamente como vc falou, vc ainda não tem filhos, somos sempre mãe melhores, quando não os temos hahahaha um beijo!

  8. hahahaha chorei, Ka! Vc é maravilhosa! :*

Leave a Reply