Receita fácil de rabanada

Procurando uma receita fácil e gostosa de rabanada?

Achou!

Eu só consigo escrever  quando estou inspirada, e se tem uma coisa que me inspira, é comida.
Sou comilona.
Me joguem na Gym todos os dias do ano, mas não me obriguem a passar fome.
Fico lá na escada assassina da academia vendo televisão e 70% dos anúncios que passam são de caridade para ajudar as kids da África  que morrem por falta de comida, então, é contra meus princípios morrer de fome por livre espontânea vontade.
Ou seja.
Quem acompanha o Blog pela página do Facebook, sabe sobre o meu amor pela rabanada nossa de cada Natal, né? E como muita gente me pediu a receita (mentira, eu tô dando porque não acho certo pessoas não saberem como se faz uma rabanada), resolvi fazer esse post aqui, e sim, meu objetivo de vida para 2015 é o de fazer você pensar em mim TODAS as vezes que você ver uma rabanada na sua frente 🙂

Aqui vai a receita e como você pode notar, não só sou eu que curto uma rabanadinha.

Corte o pão dormido em rodelas
(a razão para ser o pão velho é que se você fizer com o pão novo é capaz de ficar encharcado)
Afogue por alguns segundos na mistura de leite+ leite condensado.
Afogue no ovo mexido.
Coloque na frigideira com a gordura já quente.
(outro dia ajudei uma amiga a fazer na casa dela e fizemos grelhado na manteiga, mas dessa maneira a atenção deve ser dobrada porque o risco de queimar é grande e também achei que faz mais fumaça, mas é mais saudável)
O ponto dele frito está na foto número 2.
Depois deixe escorrendo no papel toalha.
Empane a rabanada na mistura de canela e açúcar e sirva quente, mas não se desespere para comer tudo de uma vez, porque ela fria também é uma delícia!

Pensa em mim na hora da ceia?

Receita fácil de rabanada
Receita fácil de rabanada

 

Receita fácil de rabanada
Receita fácil de rabanada

 

Receita fácil de rabanada
Receita fácil de rabanada

 

Facebook Comments

12 Comments

  1. Amoo rabanada, que aqui eu chamo de Fatia Dourada. Também faço na manteiga, acho que o "salgadinho" da manteiga dá um gostinho a mais!

    E sim! Além de lembrar da minha mãe, também vou lembrar de você quando vir uma.na minha frente!!

    Beijoo

  2. Eu NUNCA fiz! Serei obrigada a fazer, juro!

  3. Eu NUNCA fiz! Serei obrigada a fazer, juro!

  4. Fui no facebook, ver se tinha publicação sua… tanto tempo sem postar no blog, estava preocupada já. Adoro rabanada, mas só fui comer depois de adulta. Nunca fizeram em casa. Fiz depois que casei. Gostei muito de saber sobre dar pimentões e aipo por exemplo para as crianças logo cedo, vc sabe que por aqui isso não existe e com certeza a gente cria esses gostos logo de pequeno. Um ótimo fim de ano para vocês. Bjos

    • Verdade Mayra, acho que nunca fiquei tanto tempo sem postar no blog, acho que me acomodei um pouco com o facebook e o instagram (@karinekeogh), as coisas por lá snao mais dinâmicas e como tenho tido pouco tempo para sentar no computador fica mais fácil postar alguma rapidinha do que um texto ou crônica.
      Mas em 2015 voltarei com a corda toda!
      Feliz Natal!
      <3

    • Difícil é achar o pão francês aqui em Londres. Como vc faz, Karine? Serve a baguete ou ela tem a casca muito dura?
      Feliz Natal a vc e sia family! <3

  5. Oi Karine,

    Te falar que já fui muito de comer rabanada, há uns 2 anos que não tenho taaaanta vontade assim. Aqui em casa só comemos no dia seguinte, geladinha e com calda.

    É engraçado como cada pessoa tem um jeito diferente de comer!

    Um Feliz Natal para você e sua família. Um beijo em cada kid!!

  6. Vou lembrar da Karine no Natal com as rabanadas e com certeza mais no minimo 2 cms no quadril para lembrar por uns 6 meses kkkkk. Vou fazer rabanada sim

  7. Amo rabanada, amiga!Como umas 15 fácil. Tenso! a receita da minha mãe é igual a sua,só que ela mistura o ovo no leite e no leite condensado… Delícia! Feliz Natal, beijos, Fêkititi

  8. Ká que maldade postar isso!
    Fiquei morrendo de vontade! Mas acho que já ganhei peso o suficiente nesse natal haha
    Fico pensando no cheirinho da canela em cima! Que delícia!

  9. Pingback: Christmas with the Keogh's Ká Entre Nós

  10. Pingback: Quando começa o Natal na Irlanda? Ká Entre Nós

Leave a Reply