Irlanda para Vegetarianos.

Como é ser vegetariano na Irlanda?

Um belo dia resolvi mudar e parei de comer carne vermelha.

Calma, estou longe de ser do tipo que fará revolução em porta de restauante ou que chora ao ver alguém se deliciando com um hamburguer.
Não faz muito tempo mas já são 3 semanas meat free.
Seria mentira se eu disesse que foi do ‘nada’, na verdade vi uma foto (que não colocarei aqui porque não quero devo influenciar ninguém ) e pimba,  perdi a vontade de comer carne, o peixe continua no cardápio (1 vez por semana) até eu aprender a me virar com as receitas que substituem a proteina que a gente precisa para sobreviver.
Mas( porque comigo sempre tem que ter um “mas”) devo confessar que minha decisão em tentar ao menos viver por uns tempos sem carne é uma decisão egoista, estou fazendo porque eu me sinto melhor , ao contrário da maioria que o faz para proteção e amor aos animais.(te decepcionei, né?).

Minhas compras.

Independente dos motivos, o número de vegetarianos vem aumentando bastante nos últimos tempos e  o mercado para atender essas necessidades vem caminhando no mesmo ritmo, hoje já é fácil encontrar alimentos e restaurantes que supram essas necessidades em todos os lugares, inclusive em Dublin.

As grandes redes de mercado tem sessões exclusivas para quem é adepto ao vegetarianismo e nos rótulos das embalagens é possível encontrar uma tag onde se lê “Suitable for vegetarians” até em comidas prontas.
Inclusive essa facilidade de ingredientes também me motivou a tentar, amo Falafel e já até faço o meu (com massa pronta, mas faço!)e não estou sentindo falta da carne.

O site Irish Vegetarian trás várias dicas de onde comer e comprar produtos em toda a Irlanda.

Antes de entrar nessa vida achava que sem carne seria impossível ter uma alimentação balanceada e variada, só depois de pesquisar é que descobri o quão enganada estava.
Hoje me sinto mais leve (o que não significa menos gorda) e com muito mais disposição.
A família não aderiu completamente e eu acabo tendo que fazer mais de um menu,  mas (olha o “mas” de novo) como a gente está falando da Karine, tudo pode mudar, de uma hora pra outra.

Quero deixar claro que existe uma grande diferença entre ser influênciada e alienada e não tenho pretensão alguma em influenciar ninguém, nem no Breno eu mando…portanto, cada um no seu quadrado, mas que essa vida mais natural tem feito maravilhas, não posso negar , por isso nesse início adotei o lema “de um dia após o outro” como no AA.

E aí, antes que eu mude de idéia, alguma receitinha saborosa meat free para alegrar meu dia?

.

Facebook Comments

17 Comments

  1. OOH, mais um pro time!
    Eu também sou vegetariano, por defesa dos animais, de origem animal apenas o leite, por enquanto. Também não uso roupas ou qualquer outra coisa de origem animal.
    Fico muito feliz em saber que você está tentando!
    Parabéns, pode ter certeza: Depois que largamos um tipo de carne, deixar as outras é um pulo!

    Aah, tem esse blog aqui, adoro as receitas e dicas que ele possui:

    http://cantinhovegetariano.blogspot.com/

    =)

  2. Admirei! Bonita atitude. Eu acho um pouco mais facil ficar sem comer carne aki, o preço de um steak já ajuda bastante, a qualidade tb. Mas o dificil é largar o hamburguer, isso ainda é um sacrificio pra mim, mas un dia eu chego lá. Depois que eu vi um video da Peta com a Pamela Anderson, nunca mais eu comi nuggets, goujons e só nao tiro o peito pq o bicudo nao abre mão da torta!! Receita saborosa meat free? um belo bolo de chocolate hahaha

  3. Pensei que ser vegetariano era uma "moda" europeia, mas aqui na Argentina já fui influenciada por umas amigas. Minha dica é a beringela, que substitui muito bem a carne em muitas receitas pelo sabor, textura e cor (nao fica só aquela coisa verde, sabe) Da pra fazer como lasanha, cortada em fatias ao forno, a milanesa, ou cortadinha na panela com outros vegetais para uma pasta.

  4. Já pensei em começar a ser vegetariana muitas vezes, mas ao contrário de vc, faria por questões externas, como o maltrato aos animais… Sou gaúcha e não posso negar que AMO um bom churrasco. Na Espanha a carne é bem mais cara que no sul do Brasil, o que me fez diminuir o seu consumo por questões financeiras. O meu problema são as receitas… não tenho a mínima criatividade para cozinhar sem uma carninha…hehehe… mas pouco a pouco já estou aprendendo! 🙂

  5. Que tal meu Quibe de Alho Poró??
    http://magali-2008.blogspot.com/2009/09/quibe-de-alho-poro.html

    Beijos e boa sorte! Eu ainda não ne convenci…
    (a foto foi de alguem vegetariano/a lindo/a maravilhoso/a??)

  6. 1) por gentileza, vc poderia compartilhar a foto? nem que seja por email?

    2) o que será do nosso churrasco que já estava combinado??

    3) meat free eu não conheço, mas free meat é muito saudável. sempre que rola uma picanha de graça, eu tô dentro….

    4) bjo

  7. Ka, eu tb ja pensei sobre isso. Houve alguns meses que fiquei sem comer carne…Na verdade como mt pouco hj em dia. Mas não sei se abriria mão do peixe, pq este eu gosto mt.

    Tenho algumas amigas vegetarianas e sempre aprendo alguma coisinha ou outra com elas.

    Se eu souber de alguma receitinha te passo.

    Beijos

  8. Eu não sou vegetariana, mas consigo ficar sem carne vermelha numa boa…

    Até sentir um cheirinho de churrasco, lógico hehe

    Já comeu lasagna de berinjela? Sou mega fã!

    Beijitos, Ju

  9. Eu nao tenho muita vontade de comer carne, sou capaz de passar semanas sem come-la. Mas confesso que o mais dificil é mesmo a falta de criatividade nas receitas. Nao pretendo ser vegetariana, quando dá vontade eu como…mas sei que ja estou um passo adiantada por nao fazer disto meu principal alimento. Vou te passar umas receitinhas usando o form ali do lado…bjoooo

  10. oi Karine. Tambem sou vegetariana. Alias sempre fui. Moro em Londres e por aqui eh muito mais facil ser veggie do que no Brasil, restaurantes, mercados, a maioria dos lugares te da opcoes vegetarianas. Adoro teu blog, ja passei algumas vezes por aqui.Vou te linkar ok. Bj

  11. Jah pensei em fazer a mesma coisa… mas sempre "deixo p amanha". Errado, eu sei. No meu caso tambem teria que fazer dois menus, pois meu inglesinho eh carnivoro que soh e adora um steak. Aos poucos vai contando aqui no blog as mudancas que voce tem percebido com a nova alimentacao. E, sim, se eu parar de comer carne sera por motivos egoistas como, por ex., me sentir melhor. rs
    bjs

  12. Nunca é tarde para se adotar práticas de vida saudável…a saúde agradece.

  13. Eita, Ka, boa empreitada. Seguir vegetariana em mesa de carnivoros vai ser dificil, hein.
    Até já pensei muitissimo em me tornar vegetariana devido ao preço absurdo de carne na Europa, mas o incentivao ainda nao foi mais forte que a gula.

    bjin

  14. Serve de frango??
    Nao consigo cozinhar com soja por mais que tenha tentado. Se eu virasse vegetariana meus músculos morreriam de inanicao! só ia comer macarrao=).

    Passo…

  15. Olá! Sou suspeita já que sou vegetariana a 1 ano e meio e vivo com meu namorado que é a 4 anos. Não vai nessa do peixe, ervilha e grão-de-bico tem tanta proteína quanto ou até mais. Mas, parabéns pela decisão. Como eu sou vegetariana pelos animais, pela ecologia e por mim mesma não faz diferença seus motivos. Eu estava procurando porque quero ir para a Irlanda mas não sabia como era o mercado vegetariano aí. Muito menos o vegan. Vocês tem sorvete vegan por aí?

  16. Vegetariano não come peixe. Carne é carne e proteína tu encontra até no feijão.

  17. Proteina para vegetarianos e veganos é algo que nunca faltou em graos, leguminosas… Inconscientemente acabamos sempre por consumir alem da cota… rs

    Vegetarianos também nao comem qualquer tipo de queijo, pq a maioria dos coalhos é de origem animal – é do estomago dos bezerros, cabritos, cordeiros… Vegetarianos consomem apenas queijos dos quais o coalho seja de origem vegetal.

Leave a Reply