Dublin em 3 Dias.

Eu amo Dublin, mas nem todo o amor é cego e eu devo admitir que 3 dias são suficientes para conhecer o que a cidade tem para oferecer.Nesse post darei dicas do que na minha opinião são os pontos fortes e fracos da cidade, que me escolheu pra viver.

Acomodação – De acordo com o que você está disposto a gastar a cidade oferece 3 tipos de acomodação:
Hostel, Bed & Breakfast, Hotel e Airnbnb
Dublin é uma das poucas cidades em que a maioria dos hoteis cobram por pessoa e não por quarto e é claro a maioria dos turistas reclamam.
Para fazer reservas de um dos três métodos disponíveis sugiro consultar o site Hotels.com

Locomoção – Você deve escolher como se locomover na cidade a partir da localização de onde você se hospedara  por exemplo, se você ficar no centro poderá fazer a maioria dos pontos turísticos a pé, portanto na hora de escolher sua hospedagem leve isso em conta, até porque depois de uma certa hora onibus e o Dart param de circular, sobrando a opção de Taxi e Late link (um bus que trafega a noite em alguns pontos da cidade).
Transporte aqui é caro e varia de acordo com a quantidade de paradas que você fará até seu destino final, podendo chegar a €3,20 (single), mas você pode escolher comprar tickets que te dão passe livre e variam entre 1 Day: € 6.00 -3 Day: € 13.30-5 Day: € 20.00, para ver se vale a pena é bom ter uma idéia de programação, para comprar online, segue o Link .

Dart também não é baratinho e segue o mesmo esquema, com o preço variando “de onde para onde”.

Taxi, não é dos mais caros, mas está longe de ser barato.

Você pode usar o aplicativo do Uber na Irlanda, mas ele é atendido e cobrado como um Taxi normal, a única diferença é que você pode pagar com cartão de crédito e deixar reviews para os motoristas.

As Bicicletas também acabam sendo uma opção para quem está pelo centro, barata e super útil, mas é necessário ter cartão de crédito internacional para aluga-las.

Para quem está disposto a gastar um pouco mais, o Dublin Sightseeing Tour é um onibus que te leva aos principais pontos turisticos, o bilhete é válido por 24 horas e custa € 15,50 por adulto e €7 por criança.

Must to see – Dublin tem muita história pra contar e muito se deve aos seus famosos escritores como Oscar Wild , James Joyce , entre outros.
O Book of Kells acredita-se ser o livro mais antigo da história e está aberto para visitação no Trinity College.
O Dublin Castle, Museu Nacional, Stephens Green Park, St.Patrick Cathedral , Spire e Temple Bar, é claro também são pontos obrigatórios,
se tiver tempo sobrando dê uma conferida nesse post sobre o que fazer em Dublin sem pagar nada ou pagando muito pouco, clicando Aqui .

Outra opção é comprar o The Dublin Pass, que te dá free acesso as principais atrações, o ticket para um adulto por 3 dias custa €52 com guia da cidade incluso , com direito ao transfer do aeroporto (que normalmente custa €12 ida e volta) entre as 31 atrações que o pacote oferece está a fabrica da Guinness e o Croke Park , para conferir a lista completa é só clicar Aqui .

Já fora do Centro também tem muita coisa bonita e interessante, o Powerscourt é meu xodó, foi o primeiro lugar que o rosinha me levou e é onde levo todas as pessoas que me visitam aqui na cidade, é um presente para os olhos, sem contar que rende fotos incríveis.

Dun Laoghaire, Houth, Wicklow também são destinos lindos que podem ser feitos de Dart , uma viagenzinha tranquila e bem bonita.

Onde comer – A culinária irlandesa é rica…em batata, mas não pense que é só isso e não se deixe enganar por gente que não tem a cabeça aberta para experimentar novos sabores que não estejam inclusos feijão e arroz.
Para o café da manhã sugiro o Breakfast at Bewleys , aliás, o Irish breakfast é famoso (e gorduroso), mas , delicioso e acho que pelo menos um diazinho não mata ninguém.
(Bewleys -78/79 Bewleys, Grafton Street , Dublin 2  )

O Beaufield Mews , fica em Stillorgan e na minha opinião é um dos melhores restaurantes irlandeses, os preços são um pouco salgados, mas já que você está na Irlanda e não deve voltar tão cedo, que tal um Treat? e além de tudo, é o restaurante mais antigo de Dublin.
(Woodlands Avenue, Stillorgan , County Dublin )

Já para um Cardápio mais em conta e tão irish quanto sugiro o Johnnie Fox’s , um Pub super tradicional com música ao vivo e programação apartir de 3:30 da tarde.
Eles oferecem transporte pelo preço de €5 , para maiores informações consulte o site deles clicando aqui Aqui.

Para quem está com budget, a opção mais em conta é pedir um sanduiche no Spar ou Centra , existem milhares de lojas espalhadas por toda a cidade e uma baguete custa no máximo €4.
Outros lugares do mesmo é o Subway, Mc Donald’s e Burguer King

Já para comer, dançar, paquerar e beber, recomendo o Cafe En Seine , esse é um dos Pubs frequentados por irlandeses, já que no Temple Bar (rua conhecida por concentrar grande número de pubs) é mais destinada aos turistas, portanto se você quiser dar uma espiadinha em como eles se comportam, dê uma passadinha lá.
Maiores informações no Site .

A noite em Dublin não é das mais agitadas e a galera prefere beber do que dançar, mas, existem pessoas que assim como eu, preferem o contrário e quando estou no clima vou com as amigas para a The Dragon, uma boite Gay que fica na 64 South Great Georges Street, Dublin 2.
As músicas são ótimas e você pode dançar a vontade sem ser incomodada.

Os irlandeses são bem receptivos e se seu inglês permitir engate uma conversa com eles no onibus, no trem ou no café , principalmente os idosos adoram um papo furado.
Também não exite em pedir dicas, eles são ótimos e normalmente adoram ajudar.

No mais , aproveite a cidade, tire fotos, coma bem e é claro, Hope To See You Around !

Cheers !!!!

Para informações sobre Eventos, Festivais ou algo mais específico, consulte o Visit Dublin.com lá você encontrará todas as informações de que precisa para uma viagem espetacular, Ká.Entre.Nós.

Facebook Comments

7 Comments

  1. Ok, fiquei sete dias em Dublin e não fiz metade dessas coisas… Acho q eu preciso voltar logo… hahaha
    beijos

  2. adoro Irish Breakfast =)

  3. Johnnie Fox's é meu favorito. Vale a viagem às montanhas…

  4. Irish breakfast e hangover combinam… Adoro comer dps daquela bebedeira!

  5. Belíssimo posto, simples e direto, morena!
    Eu geralmente indico o mesmo, sem a parte dos restaurantes, pq salário de aupair deixava a desejar, rs.

    Boa idéia para os furutos mochileiros, vou fazer um post de dicas também 🙂

    Ah, mesmo com batatas e feijão doce, eu emagreci na Irlanda! Dá até saudades rs.

    Beijo da alemoa

  6. Thanks for this great article/blog! My husband is from Ireland and I have yet to go… I am very excited to learn more and hopefully get to do travels there in the very near future!

    Thanks,
    BizeeMama

  7. Tudo anotadinho! Nós vemos logo! Bjo

Leave a Reply